sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Nem tudo é homofobia...

Sou homossexual e tenho acompanhado as discussões sobre o PLC 122, a lei que criminaliza a homofobia, pois o assunto me interessa bastante (obviamente). Com a aprovação do projeto, torna-se crime cometer atos de preconceito contra pessoas LGBT, justamente o contrário do que ocorre atualmente, em que o preconceito é amplamente estimulado por várias pessoas e, principalmente, pela televisão.

O discurso de quem é contra o projeto normalmente aborda o fato de que pode haver abuso na lei. Sou obrigado a concordar. Já presenciei muitos absurdos nesse sentido, em comunidades sobre o assunto no Orkut, o que me deu vontade de fazer esse texto.

Ano passado, na época das eleições, passei por dois episódios. Vi, num tópico, uma notícia sobre uma travesti que foi votar toda vestida de mulher, e foi barrada pelo mesário. O que mais tinha no tópico era gente amaldiçoando o mesário, falando que era preconceito. Não me contive e postei dizendo que a função do mesário é ter certeza de que a pessoa que está votando é a portadora do documento, para que ela só vote uma vez e seja feita a democracia. O mesário se viu diante de uma pessoa que não tinha nada a ver com a foto no documento, e não fez mais que sua obrigação em impedi-la de votar. A partir daí, as maldições foram mais pra mim que pro pobre mesário.

Em outro tópico, dizia-se que o vice de José Serra declarou que não apoiaria os direitos dos homossexuais. Claro, milhões de maldições ao Serra. Também postei lá, dizendo que fiquei chateado de saber isso mas que mesmo assim votaria nele, pois o achava o melhor candidato. Ser gay é uma das minhas características, não quem eu sou. Me preocupo também com a economia, com política, com a sociedade. Aí começaram a me xingar pesado... Fui chamado até de homofóbico (hein?). No dia seguinte entrei no Orkut e vi que tinha sido expulso da comunidade.

Recentemente, vi outro tópico (mesmo expulso ainda dá pra ler). "Banda Restart declara: não somos gays". Nova enxurrada de reclamações. Basicamente, os membros da comunidade diziam que a banda depreciou os gays ao dizer isso, porque ficou parecendo que estavam negando um crime. Eu já vejo de outra forma... O Brasil inteiro tá perguntando pra banda sobre isso. Eles responderam, e daí? Eu postaria isso, se não tivesse sido banido.

Sou inteiramente a favor da aprovação do PLC 122, pois tenho certeza de que os prós superarão em muito os contras. Só espero, porém, que nós homossexuais amadureçamos nossa ideia de homofobia, para que não sejam feitas acusações injustas. Homofobia é agressão física ou verbal. É depreciação. É expulsar ou excluir. É coibir demonstrações de afeto.

Com os direitos vêm os deveres. Espero que nós, gays, saibamos lidar com os deveres, para merecermos os direitos que tanto desejamos.

25 comentários:

  1. Seus argumentos são plausíveis, também acho que há um certo abuso dos homossexuais para com a sociedade, mas de fato é necessária a criação dessa lei pois a grande maioria brasileira ainda tem uma mente muito provinciana em relação ao homossexualismo, já presenciei muitas cenas de desprezo e maus tratos contra homossexuais, mas creio que com a ajuda dessa lei a população brasileira abrirá a mente e assim nos tornaremos uma sociedade mais digna de se viver.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns por ter conhecimento e a mente aberta, pelo texto e pelo blog..tenho muitos muitos amigos gays e percebo muitas vezes que essa homofobia que eles falam tanto vem mais da cabeça deles, eles se põe no papel de vitima 24 horas mesmo sem ter motivos ...não são todos lógico e não percebem a real situação..Infelizmente esse ano perdi um amigo muito querido vitima da verdadeira homofobia.Só quero paz e que os gays continuem lutado pelo que querem como todo ser humano, mas sem perder o respeito com o próximo e sem se colocar acima de qlqr um, somos todos iguais..vou te seguir pq amei o fato de você ter opinião própria com embasamento.

    ResponderExcluir
  3. Eu, sinceramente, somente vejo essas manifestações como prova do preconceito. Não me pergunte o porquê de eu enxergar assim, mas o faço. Parece que as pessoas, de tal forma, estão agindo mais por pressão da sociedade do que por realmente querer. Para mostrar o quão não preconceituosa ela é, quando verdadeiramente é.

    ResponderExcluir
  4. Interessante seu pondo de vista, sendo homossexual,li este post por recomendação da http://comaroca.blogspot.com/ acho que nesses casos a homofobia parte mais da parte gay do que dos outros, a intolerância das sociedade vem mais por causa da aparecia do geito de falar e se portar, do que própria mente dito do fato de ser homossexual, se vc estiver vestido formalmente agir normalmente, niguem vai dizer que vc é gay, mais basta usar uma roupa mais inapropriada, ou agir de uma forma mais despojada, que o preconceito aparece. A caminha é difícil pra vcs, ainda mais tendo lhe dar com uma sociedade ignorante, maneiro o blog parabéns.

    ResponderExcluir
  5. O preconceito existe, é fato, e boa parte dele parte dos próprios homossexuais. Lamentavelmente, a necessidade de criação de legislação que proteja os direitos de qualquer segmento, seja homossexual, negros, etc e tal, ao meu ver é segregadora também, porque rotula um grupo de cidadãos (mais do que já o são). Há que se ter cuidado para que essa ferramenta de defesa de direitos não se torne uma arma na mao de pessoas sem caráter (homossexualismo não é condição moral, caráter já sim!), como tem acontecido por exemplo com menores, que por serem protegidos, fazem atrocidades, e são amparados e protegidos pela Lei. Sou a favor sim, mas mais a favor ainda que os homossexuais um dia não precisem disso, e possam de fato ser tratados com total igualdade.

    Abração

    http://estacaoprimeiradosamba.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Concordo com a aprovação, entretanto, que não sirva para pessoas sem um mínimo de caráter se proteger. Porque caráter não tem associação com condição sexual, e tal qual menores infratores que se protegem barbaramente por trás de Leis que lhes dão vários direitos, espero que isso não aconteça com homossexuais, que como qualquer outros, podem ser bons ou maus, oportunistas ou não, e aí, o que era pra ser uma ferramenta de defesa vira uma arma letal!

    http://estacaoprimeiradosamba.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Plausível sua atitude.
    São atitudes como a sua que fazem o preconceito ir morrendo aos poucos.

    ResponderExcluir
  8. Fico até sem ter o que dizer
    O seu post ficou espetacular
    E o seu blog está ótimo
    Continue nessa linha
    Sucesso
    <>
    visite-nos e comente tmbm
    gostando siga e avise que retribuiremos
    se seguir deixe o aviso no comentário
    deixando o seu link para retribuirmos
    <>
    grato
    <>
    http://mikaelmoraes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Ótimo texto!
    parabéns!
    vejo as coisas como vc.
    mtas coisas são tomadas como ofenças.
    Se a banda, por exemplo, afirmasse que os membros eram gays, surgiriam comentários do tipo
    "ah, eles estão manchando a imagem dos gays"
    a questão é tomar vergonha na cara e aprender a ter uma visão ampla das coisas. não basta apenas pensar e adquirir uma postura de lutar por direitos, é preciso balancear as coisas!

    Abraços

    wwww.aliradeorfeu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Seu post, faz eu ver que você é uma das pessoas que odeiam preconceiro. Pessoas como você, fazem ele diminuir, e muito. Continue sempre assim, sua atitude foi ótima!
    -
    http://lollyoliver.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  11. Homofobia é o Nazismo do século XXI. É inadimissível que pais continuem a alimentar a opinião de que gays não merecem respeito. E, falemos a verdade, muitos fazem isso.Eu só rezo para ficar bem. Eu sei que vai. Acredito que vai ficar tudo bem.



    www.addemas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. O pior é que tem muito destes exageros mesmo...
    Aquela da situação do mesário foi a pior.. O que queriam que ele fizesse, neh?!
    Que a homofobia tem que ser combatida, ninguém tem dúvidas! Mas, que o projeto seja bem estruturado e sem abertura para abusos.

    Belo post!

    ;D

    ResponderExcluir
  13. otimo texto
    vc observou de um angulo interessante, gostei!
    parabens

    ResponderExcluir
  14. Concordo com o que vc disse, gostei dos seus argumentos. Pegando a dica da amiga Karla, foi certa a atitude do mesário. Ele fez o seu trabalho. O problema nisso tudo são os abusos, e de ambas as partes. Você mesmo disse. Não pode ter um opinião diferente que já é chamado de homofobia. A pessoa tem o direito de se opor, mas sem agressão física ou verbal, aí já perde todo o direito.
    Parabéns pelo post.

    ResponderExcluir
  15. Também sou gay e concordo com você em partes. Minha sexualidade é com certeza parte importante de mim, mas não é meu todo. Também sou outras coisas além de gay, como estudante, amigo, filho e por ai vai. No caso da travesti achei um certo abuso, porque não concordo que ela devesse ir vestido de forma "masculina" se ela não se sente bem assim e se normalmente não é assim que se veste. Não acho que tudo seja homofobia e olha que já passei por poucas e boas. Também não concordo que os gays tenham que se segurar para parecerem másculos, ou no caso das mulheres, femininas. Cada um deve ser do jeito que bem entender. Li um post no Blog do Kiko Riaze onde ele diz que os heteros se sentem incomodados mesmo é quando veem um gay másculo, porque eles gostam de se comparar com os mais afeminados, entende? Concordo com ele. De certa forma, ser afeminado é estar em um sistema chamado heteronormalidade. Acho legal a cara dos heteros quando descobrem que sou gay. Eles dizem que não pareço e tal. Mas não é o fato de ser afeminado ou não que me torna gay, mas sim por me apaixonar, amar e desejar outros homens.

    ResponderExcluir
  16. Só mais uma coisa: deixem a travesti se vestir de mulher oras, RUM! Sou a favor da liberdade, até mesmo na hora de votar.

    ResponderExcluir
  17. Preconceito nao é certo pra nenhum assunto.

    ResponderExcluir
  18. Assim também acontece com os negros. Alguns muito afetados vêem preconceito em qualquer coisa, sentem-se perseguidos em momentos que simplesmente não são.

    Há de se ter bom senso para tudo nessa vida.
    Http://viccivic.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Todos temos de lutar pelos nossos direitos. É absurdo uma pessoa ir vestida de mulher e ser barrada.Poderia ir até de ET se quisesse.
    Se os direitos dos homossexuais cresceram e vem crescendo é porque pessoas como vc vão à luta, em maior ou menor grau.

    sucesso
    abç
    Pobre Esponja

    ResponderExcluir
  20. todos temos os direitos...não importa a opção que escolhe...a vida e livre...lute por aquilo que acredite,,,

    ResponderExcluir
  21. Muitas pessoas são ignorantes com relação ao preconceito em todos os sentidos...

    Um dia estava no orkut, uma menina lá veiu tirar onda cmg, apenas disse que não ia descuti com pessoas com capacidade mental inferior, sabe qual foi a resposta dela?
    - PQ SOU NEGRA? NEH SEU RACISTA?

    Ah váááh...

    Muitos negros, muitos idosos, muitos gays procuram usar pra tudo a palavra "preconceito"

    (y'

    teh

    ResponderExcluir
  22. Ola Nero, tudo bom??

    Li o post... E gostaria de comentar.
    Sabe, concordo com vc quando as pessoas, nao vou dizer homossexuais, mas as pessoas em geral, precisam parar de ver preconceito onde nao tem.

    Preconceito, se for ver bem, todo mundo sofre, seja quem é alto demais, quem é baixo demais, quem é acima ou abaixo do peso, branco, negro, loira, morena, etc.

    Acho que as pessoas tendem a levar tudo por um lado pessoal demais. Sobre o caso do mesario, realmente, nao vi preconceito, seria o mesmo que eu mandasse meu irmao ir la votar para mim. O mesario deve ter pensado o mesmo, que talvez, o responsavel pelo RG deve ter mandado alguma amiga, irma, ou parente do eleitor.

    Sobre homossexualismo, eu sinceramente, nao sei porque as pessoas querem fazer disso um problema social, quando na verdade, é algo particular, o seu gosto sexual, o seu gosto pessoal interessa a vc e a mais ninguem. Mas as pessoas insistem em fazer disso um problema social, envolvendo toda uma sociedade.
    Preconceito tem, e sempre vai existir, mas sempre devemos pensar nos nossos direitos, nao como homossexuais, bissexuais ou heteros, mas sim, como ser humano que somos!

    Ótimo post, ótimo blog, vc escreve muito bem, se expoe muito bem... Se puder, da uma olhadinha no meu: Altitude Blog!!

    http://altitudesjablog.blogspot.com/

    bjos e sucesso com o blog!!

    ResponderExcluir
  23. Oi. Eu adorei seu post. Primeiro homossexual consciente de sua posição e papel como cidadão dentro de uma sociedade que tive oportunidade de conhecer. Graças a Deus você não é um fundamentalista da causa gay como a maioria. Fico roxa de raiva quando vejo a maioria dessas pessoas ifluenciáveis pela mídia, sem capacidade crítica alguma querendo crucificar alguém por ter procedido de maneira mais enérgica com alguém que apresente a condição de homossexual sem que tal procedimento guarde alguma relação com sua orientação sexual como no caso desse mesário, por exemplo.

    Não concordo com toda esse protecionismo em prol da causa gay que os meios de comunicação, a mídia, vem apresentando. Não concordo mesmo! Parece que eles são a minoria mais importante do mundo e não são! São apenas uma minoria digna de respeito como qualquer outra. Mas tudo que se disser contra os gays hoje em dia é preconceito, é não sei o quê..... Isso já tá virando palhaçada!

    Você, mesmo sendo gay, só porque foi opinar numa comunidade e sua opinião era contrária a da maioria foi expulso e o engraçado é que essas pessoas defendem a diversidade, mas ao que parece, apenas a diversidade imposta e proclamadas por elas mesmas né. Essas pessoas não param para pensar que elas estão sendo tão intolerantes quanto aquelas que elas julgam ser dessa forma.

    Quero dar meus parabéns a você! Primeiro gay consciente que vejo porque a maioria que vejo parece querer dominar o mundo!

    ResponderExcluir
  24. Já andei comentando por aqui.. e achei bem interessante esta abordagem sua... Ainda há muito que ser discutido.

    ;D

    ResponderExcluir
  25. Bah perfeito !
    por exemplo ja aconteceu de eu brigar com uma pessoa que é gay, e me chamarem de homofobico! mais eu brigo com muitos heteros!po eu to brigando com o cara,Sabe nao pode fazer contra a pessoa por ela ser gay ai sim é homofobia!

    ResponderExcluir

E aí, o que achou?

Me diz!

Se seu comentário for legal eu dou uma olhada no seu blog e falo o que eu achei também, é só deixar o link!

Abraço